16 de maio de 2011

Por que temos Gases?



O ar engolido ou os gases formados no aparelho digestivo podem ser expelidos por via oral (arroto) ou via anal (gases intestinais ou flatos). A maior parte deles, no entanto, é produzida no intestino por carboidratos que não são devidamente digeridos no estômago. Como o intestino não produz as enzimas necessárias para digeri-los, eles são fermentados por bactérias que normalmente ali residem. Esse processo é responsável pela maior produção e liberação de gases.
Somente 1% dos gases, que são compostos principalmente por enxofre são os causadores do mau cheiro. O principal é o ácido sulfídrico (sulfeto de hidrogênio). O consumo excessivo de alimentos que fermentam como o excesso de açúcares, ricos em enxofre como ovos, carnes, couve-flor, feijões, podem aumentar a flatulência.

Principais vilões:

  • Laticínios: a lactose presente no leite e em seus derivados é uma causa comum de gases. 
  • Vegetais como: cebolas, repolhos, cenouras, brócolis, couve flor e leguminosas (feijão, ervilha, soja).   
  • Frutose: um consumo excessivo de frutas açucaradas como uva passa, bananas, maçãs e seus sucos, assim como o uso do adoçante a base de frutose.
  • Fibras: em excesso podem produzir gases e causar má digestão.
  • Adoçantes artificiais: utilizados em produtos diet podem inclusive causar diarréia. Os mais comuns são sorbitol, manitol, e xilitol.
  • Alimentos gordurosos: batatas fritas, carnes gordas e molhos a base de óleos ou maionese.  
  • Bebidas com gás: refrigerantes e água com gás aumentam o conteúdo de gases no estômago.
 
É importante lembrar que cada organismo tem suas características e reagem de maneiras diferentes a cada alimento. O que pode ser facilmente digerido para uma pessoa, pode ser indigesto para outra. 

Postado por,
Carolina Arzua - Nutricionista

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário